MarĂ©đŸŒŠ

No diårio de bordo escrevo rascunhos e esboços
Fui um navegante perdido, um coração em conflito
A maré confunde o olhar dos mareantes
Que desejam retornar do alto mar errante
Desencontrei a fé, vivi a naufragar
NĂŁo posso deixar as correntezas me afrontar
Deus, segura a minha mĂŁo
Seja o meu navegador, me aponte a direção

Deixe um comentĂĄrio

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um Ă­cone para log in:

Logotipo do WordPress.com

VocĂȘ estĂĄ comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

VocĂȘ estĂĄ comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

VocĂȘ estĂĄ comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

VocĂȘ estĂĄ comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s